História/Desenvolvimento do DISC

A História e o Desenvolvimento do DISC

Você sabia que o atual sistema de personalidade DISC pode, em muitos aspectos, remonta à história antiga? Os filósofos sempre tentaram identificar o que faz as pessoas agirem da maneira que fazem, e a conclusão sempre volta para quatro quadrantes individuais, que evoluíram ao longo do tempo. Vamos começar nossa história DISC com a Grécia Antiga.

Empédocles (444 AC) – Os Quatro Elementos

Na antiga filosofia grega pré-socrática, o comportamento era atribuído a quatro elementos ambientais externos. Empédocles os chamou as quatro “raízes” ou elementos.

ÁGUAAR
FOGOTERRA

Hipócrates (370 AC) e Galeno (190 DC) – Os Quatro Humores

Essas grandes mentes médicas acreditavam que um equilíbrio de quatro fluidos corporais era necessário para manter a saúde. Tais fluidos ficaram conhecidos como os Quatro Temperamentos de Hipócrates e os Quatro Humores de Galeno, 

O que antes eram elementos externos tornou-se fluidos corporais (ou humores) que afetavam nossos comportamentos, mas desta vez a partir de influências internas. O Fleuma/Fleumático foi associado ao elemento água, representando a calma. O Sangue/Sanguíneo estava associado ao elemento ar, representando a alegria. A Bile Amarela/Colérico foi associada ao elemento fogo, representando o entusiasmo. A Bile Negra/Melancólico estava associada ao elemento terra, representando o ser sombrio. Acreditava-se que o humor dominante de alguém determinava seu tipo de personalidade.

FLEUMÁTICO (Fleuma/Calma)SANGUÍNEO (Sangue/Alegre)
COLÉRICO (Bile Amarela/Entusiástico)MELANCÓLICO (Bile Negra/Sombrio)

Carl Gustav Jung e o desenvolvimento do Indicador de Tipo de Personalidade de Myers Briggs (MBTI):

De antigos elementos e humores, avançamos no tempo para Carl Gustav Jung e o desenvolvimento do Indicador de Tipo de Personalidade de Myers Briggs (MBTI). Ainda atribuindo a personalidade às influências internas, Jung determinou que nosso comportamento é baseado na maneira como pensamos e processamos. Ele contribuiu muito para a compreensão dos comportamentos por “tipo”, acreditando que os indivíduos tinham um “tipo psicológico” e que as pessoas variam de acordo com a maneira como percebem as coisas e tomam decisões. Em 1921, Jung publicou o livro Tipos Psicológicos , identificando 4 maneiras pelas quais experimentamos o mundo: Sensação, Intuição, Sentimento e Pensamento.

SensaçãoIntuição
SentimentoPensamento

Katherine Cook Briggs e sua filha, Isabel Briggs Myers, trabalharam com as teorias de Jung e publicaram a primeira pesquisa MBTI em 1962. A nova evolução das teorias de Jung agora tinha 4 dicotomias de personalidade, enfocando populações normais e diferenças naturais:

Extroversão (E)VsIntroversão (I)
Sensação (S)VsIntuição (N)
Pensamento (T)VsSentimento (F)
Julgamento (J)VsPercepção (P)

Teste de personalidade de DISCWilliam Moulton Marston, PhD e o desenvolvimento do Teste de Personalidade DISC

William Moulton Marston concluiu seu doutorado em Harvard no recém-desenvolvido campo da psicologia. Em seu marcante livro, As Emoções das Pessoas Normais, publicado em 1928, Marston se propôs a examinar o comportamento “normal” observável em um ambiente particular. Ele acreditava que nossos estilos de personalidade são naturais, internos e inatos, mas também amplamente afetados por nosso ambiente particular em um determinado momento. Isso combina a ideia de que somos impactados tanto internamente quanto externamente, o que afeta nossos comportamentos.

Marston apresentou sua extensa pesquisa e teoria por trás do modelo DISC em seu livro. Ele descobriu que as características comportamentais poderiam ser agrupadas em quatro divisões principais, denominadas estilos de personalidade. Pessoas com estilos semelhantes tendem a exibir características comportamentais específicas e observáveis comuns a esse estilo. Marston nomeou as 4 dimensões do comportamento e criou um meio para identificar a propensão relativa dos indivíduos a se comportarem de acordo com elas. O acrônimo DISC é representado por:

d-dropi-drop s-dropc-drop

 
Estilo DISCCaracterísticas
D = DominanteDireto, decisivo, alta força de ego, solucionador de problemas, tomador de riscos, pró-ativo
I = InfluenteEntusiasta, crédulo, otimista, persuasivo, falante, impulsivo, emocional
S = EstávelBom ouvinte, bom para o trabalho em equipe, possessivo, estável, previsível, compreensivo
C = ConscienciosoPreciso, analítico, consciencioso, factual, sistemático, exigente

Em geral, não há estilos puros, mas todas as pessoas compartilham esses quatro estilos em diferentes graus de intensidade, o que é representado por gráficos com uma linha média. Esses estilos compostos são conhecidos como misturas de estilos de personalidade, cada uma com suas próprias características, preferências, medos, pontos fortes e limitações.

Em 1940, Walter Clark adotou as teorias de Marston e desenvolveu o primeiro Relatório de Perfil de Personalidade DISC. Avançando na história do DISC para o presente, este sistema tornou-se conhecido como a linguagem universal do comportamento por causa de sua simplicidade e sinceridade. A linguagem é facilmente aprendida, entendida e administrada por um público amplo. Desde que foi estabelecido, o DISC tem consistentemente provado ser um instrumento confiável e válido.

Qual é o seu estilo de personalidade DISC?